CANAL A - Destaque

Programa de financiamento do FMI dos últimos 3 anos, permitiu a correcção de saldos negativos que a economia nacional registava

todayJaneiro 15, 2022 24

Background
share close

Nos últimos três anos, o governo conseguiu fazer a correcção de saldos negativos que a economia nacional registava. O dado foi avançado nesta sexta-feira, 14 DE Janeiro, pelo Ministro de Estado para a Coordenação Económica, Manuel Nunes Júnior, a saída da reunião do Conselho Económico Social que analisou a implementação do programa de financiamento do FMI, nos últimos três anos. Ouça, no áudio abaixo, a reportagem do Luís Fernandes:

  • cover play_arrow

    Programa de financiamento do FMI dos últimos 3 anos, permitiu a correcção de saldos negativos que a economia nacional registava rna

E os membros do Conselho Económico e Social, foram com as tarefas de casa feitas. Apresentaram propostas e medidas que podem dar resposta à problemática da pobreza em Angola, que de acordo com Sérgio Calundungo é preciso redistribuir melhor os rendimentos. Clique no áudio e ouça:

  • cover play_arrow

    Programa de financiamento do FMI dos últimos 3 anos, permitiu a correcção de saldos negativos que a economia nacional registava rna

Outra proposta tem a ver com a reconversão da economia informal reaproveitar, rentabilizar, formalizar os rendimentos dispersos nos mercados informais. Para Hernany Luís é preciso valorizar sempre os pequenos negócios. Clique no áudio e ouça:

  • cover play_arrow

    Programa de financiamento do FMI dos últimos 3 anos, permitiu a correcção de saldos negativos que a economia nacional registava rna

Editor: rna

Rate it

Notícias

Rádio Luanda - Destaque

ATL formaliza na segunda-feira entrega do caderno reivindicativo ao Governo da Província de Luanda

As associações de taxistas de Luanda entregam, formalmente, na segunda-feira, 17 de Janeiro, o seu caderno reivindicativo ao Governo da Província. A decisão saiu do encontro realizado com a governadora Ana Paula de Carvalho, onde ficou esclarecido que os taxistas nunca oficializaram as suas reivindicações, mas sempre trataram o assunto de forma verbal. Ouça, no áudio abaixo, a reportagem do Lourenço Chivinda:  

todayJaneiro 15, 2022 18

Rede Emissoras

CONTACTOS

0%
donut_large